The image displays a logo featuring the text
The image displays a logo featuring the text

Explore a AL para a Saúde:

Programs

Apesar de avanços significativos em inovações médicas e iniciativas globais de saúde, o cenário de saúde do continente africano enfrenta desafios multifacetados que ameaçam o bem-estar de suas diversas populações. De forma alarmante, a cobertura com serviços de saúde essenciais permanece baixa, com apenas 48% das pessoas em África recebendo o cuidado necessário. Essa estatística alarmante se traduz em aproximadamente 615 milhões de indivíduos em África potencialmente privados de serviços de saúde essenciais, conforme relatado pela OMS em 2021.

Em um estudo citado pelo International Journal of General Medicine, uma miríade de desafios confronta o setor, com recursos humanos inadequados, má alocação de recursos, negligência de infraestrutura e falta de vontade política estando à frente. Esses obstáculos ecoam em vários países do continente, impedindo o acesso a cuidados de saúde de qualidade e exacerbando a carga de doenças. No entanto, em meio a esses desafios, surgem lampejos de esperança, com soluções propostas como treinamento aprimorado para trabalhadores de saúde, esquemas de seguro fortalecidos, esforços de advocacia aumentados, maior alocação orçamentária e melhorias na infraestrutura

AL para Saúde

À medida que a África traça seu curso em direção a um futuro mais saudável, esses achados ressaltam a importância crítica de ações concertadas e colaborativas, juntamente com estratégias inovadoras, para superar as barreiras que obstruem o progresso no domínio da saúde. A Rede AL para Saúde está pronta para contribuir para enfrentar esse desafio, unindo os principais stakeholders e parceiros, incluindo futuros jovens líderes, para fomentar esforços colaborativos, trocar ideias, criar soluções duradouras e criar oportunidades para todos os membros.

Fundo de Co-Criação

O Fundo de Co-Criação é uma iniciativa inovadora dentro da Rede, promovendo a colaboração entre os membros para identificar desafios comuns e desenvolver soluções coletivamente. Ao longo de três meses, as equipas se engajarão ativamente no processo de brainstorming e refinamento das suas ideias. No final desse período, as equipas apresentarão suas propostas, com uma ideia vencedora selecionada para receber financiamento para a sua implementação. Esta iniciativa marca um passo pioneiro para a AL para Saúde, enquanto aguardamos ansiosamente a parceria com membros da rede para co-criar soluções impactantes para a nossa comunidade. Detalhes sobre o processo de inscrição serão comunicados em breve.

Programa de Pesquisa

Na AL para Saúde, estamos comprometidos em desenvolver a próxima geração de líderes éticos no setor de saúde. Uma das maneiras através das quais pretendemos cumprir esse compromisso é proporcionando aos estudantes uma plataforma para mostrar seus empreendimentos de pesquisa. Notavelmente, pesquisas indicam que apenas aproximadamente 1% das publicações de África são de autoria de africanos—uma estatística impressionante.

Através do nosso programa de pesquisa, pretendemos capacitar os nossos ex-alunos, oferecendo-lhes a oportunidade de desenvolver e aprimorar as suas habilidades de pesquisa e conduzir os seus projetos de pesquisa em saúde sob a orientação e mentoria de profissionais experientes. Em última análise, o nosso programa de pesquisa busca elevar a visibilidade e a utilização de pesquisa produzida por africanos, tornando-a acessível à sistemas educativos em todo o mundo.